sexta-feira, 10 de junho de 2011

Portugueses

Os Portugueses são uma raça danada....

Hoje pensei na maioria do povo Português, em especial na geração antes da nossa..

1 - Desconfiados até à 5a casa.....

2 - Fazer tudo no desenrasque, que depois fala-se com o outro que eu conheço e ele trata...

3 - Ir pelo facilitismo e depois dar merda....

4 - Viver no passado.... "antes é que isto era bom..."

5 - Acreditar que Santos da casa não fazem milagres e o que vem de fora é que é bom....

6 - Esconder porque pode parecer mal dizer a verdade....

7 - Estar sempre certo, nunca assumir os erros.. e pedir desculpa é para fracos....

.....

.....

Esta forma de pensar está a dar cabo do nosso país, da nossa política e da nossa vida social.

Se todos neste país em retalhos não tentassem só encher a pança e fossem verdadeiros com o próximo e com eles próprios, não andariamos todos cabisbaixos a chorar pelo Iva, irs, fmi, imi, ia, e outras taxas parecidas...

Hoje temos o triplo dos custos com o nosso governo, é inadmissível que alguns políticos recebam subsídios por tudo e por nada.. que façam leis para se favorecem ainda mais..... que passem mais tempo à procura do culpado do que a resolver o problema..

Temos de parar e pensar... E agir todos em conjunto e não cada um para seu lado...

Já fomos um país de grandes feitos, mas isso já foi, era, caput, passou..... o futuro é para a frente, não podemos viver no passado, do passado só serve os erros para não os cometermos outra vez...

Se isto não vai lá com esta geração no poder,  muda-se... Mas isto assim não dá....

Muitos Portugueses insatisfeitos vão-se embora valorizar com o seu trabalho outros países, sendo que muitos vezes São pessoas de carácter excepcional (por isso não vingam cá) inadaptados à realidade nacional, onde quem engana e rouba é que se safa.... O país precisa é de trabalho e de pessoas que façam acontecer, não é preciso mais treinadores de bancada, que disso estamos cheios...

Vamos para a frente andar com isto para vivemos todos melhor... Se ninguém me ajudar, vou-me embora também....

Sem comentários: