terça-feira, 1 de junho de 2010

Linux - Quem sabe sabe....

Os funcionários da Google estão a deixar de utilizar o Windows. Em causa está a política de segurança adoptada após os ataques identificados em meados de Dezembro - e atribuídos à China -, levando a gigante da Internet a incentivar os trabalhadores a optarem por outro sistema operativo que não o da Microsoft, avança o Finantial Times.

Recorde-se que, segundo concluiu a investigação interna da Google, os ataques foram possíveis graças às falhas no Internet Explorer 6 e no sistema operativo Windows.

No início do ano os novos funcionários ainda podiam instalar o Windows nos seus portáteis, embora não tivessem opção em relação aos computadores desktop. Actualmente os colaboradores "recém-chegados" podem optar entre computadores Mac ou PCs com Linux, refere o jornal.

Com o passar do tempo a decisão pode levar a que o Windows deixe, efectivamente, de ser utilizado entre a equipa da Google, que conta com mais de 10.000 colaboradores em todo o mundo.

Além do argumento da segurança, à nova "política" não é com certeza alheio o facto da Google estar a preparar o seu próprio sistema operativo, além da existência do browser próprio Chrome.

in: http://tek.sapo.pt/noticias/computadores/funcionarios_da_google_incentivados_a_deixar_1068587.html

Sem comentários: